Pular para o conteúdo

Quem Colocou o Nome do Harry no Calice

Desde a publicação do primeiro livro da série Harry Potter, a curiosidade dos fãs da saga sobre os mistérios e segredos do mundo mágico criado por J.K. Rowling só aumentou. Uma das perguntas mais frequentes é sobre quem colocou o nome do bruxo no Cálice de Fogo durante o Torneio Tribruxo. Esse enigma, que muitos pensavam ter sido resolvido logo após a revelação no livro, continua a intrigar e gerar teorias entre os fãs da série. Neste artigo, vamos explorar algumas das teorias mais populares e tentar desvendar quem pode ter sido o responsável por essa trapaça.

Porque Moody colocou o nome do Harry no cálice?

Contexto

No livro Harry Potter e o Cálice de Fogo, Harry Potter é surpreendentemente selecionado para competir no Torneio Tribruxo, um evento internacional de magia que ocorre a cada cinco anos. No entanto, Harry não se inscreveu para o torneio – alguém o inscreveu secretamente.

Explicação

Moody, um importante personagem do livro, colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo. Na verdade, não era o verdadeiro Moody, mas sim Bartô Crouch Jr. disfarçado como Moody usando a Poção Polissuco.

Bartô Crouch Jr. era um Comensal da Morte e seguidor de Voldemort. Ele queria que Harry participasse do torneio para que pudesse criar uma situação em que Harry fosse morto. Bartô Crouch Jr. planejava manipular o torneio para que Harry fosse exposto a perigos mortais sem proteção.

Em suma, Moody – ou melhor, Bartô Crouch Jr. – colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo para colocá-lo em perigo e tentar matá-lo. Felizmente, Harry conseguiu sobreviver graças à sua coragem, inteligência e ajuda de amigos.


Quem enfeitiçou o Cálice de Fogo?

No livro Harry Potter e o Cálice de Fogo, acontece um dos momentos mais tensos da saga. Durante o Torneio Tribruxo, que reúne escolas de magia de diferentes países, o nome de Harry Potter é sorteado pelo Cálice de Fogo, mesmo sem ele ter se inscrito no torneio. O mistério sobre quem teria colocado o nome do jovem bruxo no cálice é o que movimenta a trama.

As suspeitas iniciais

No início da história, as suspeitas recaem sobre os amigos de Harry, Rony Weasley e Hermione Granger. Afinal, ambos haviam tido acesso ao Cálice de Fogo, que ficava em um lugar de acesso restrito. No entanto, logo se descobre que o feitiço utilizado para colocar o nome de Harry no cálice era muito avançado para ser executado por estudantes do quarto ano.

A verdadeira identidade do culpado

Após muitas investigações, é revelado que o verdadeiro culpado foi Bartô Crouch Jr., um dos seguidores do Lorde das Trevas, que havia sido preso em Azkaban. Com a ajuda de seu pai, Bartô Crouch, que ocupava um alto cargo no Ministério da Magia, ele conseguiu fugir da prisão e se disfarçar como professor de Defesa Contra as Artes das Trevas em Hogwarts.

A história serve como um lembrete de que o mal pode estar presente em qualquer lugar, inclusive em instituições supostamente seguras como Hogwarts.

Quem matou Igor Karkaroff?

Contexto

O personagem Igor Karkaroff aparece na série Harry Potter como o diretor da Escola Durmstrang e um ex-comensal da morte. Ele desempenha um papel importante no quarto livro, O Cálice de Fogo, onde é assassinado.

Mistério do Assassinato de Karkaroff

No livro, a morte de Karkaroff é um mistério e ninguém sabe quem o matou. Ele é encontrado morto no banheiro dos professores, com a Marca Negra gravada na testa, uma marca que é associada aos comensais da morte.

Teorias sobre o Assassinato de Karkaroff

Há várias teorias sobre quem poderia ter matado Igor Karkaroff. Uma das teorias é que ele foi assassinado por um dos comensais da morte, como uma forma de punição por ter desertado da causa. Outra teoria é que ele foi morto por Dumbledore, como parte de uma estratégia maior para proteger Harry Potter.

Quem enfeitiçou Krum?

No livro “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, uma das perguntas que ficam na mente dos leitores é “Quem enfeitiçou Krum?”. Durante a competição do Torneio Tribruxo, Viktor Krum, um dos campeões, é visto agindo de forma estranha e desorientada em determinado momento. Isso levanta a suspeita de que ele tenha sido enfeitiçado por alguém.

O que aconteceu com Krum?

Durante a terceira tarefa do Torneio Tribruxo, os campeões precisavam encontrar uma pessoa que havia sido sequestrada e levá-la em segurança de volta ao círculo de partida. Krum, que era o campeão da escola Durmstrang, encontrou a pessoa primeiro e a trouxe de volta, mas foi visto agindo de forma estranha logo em seguida.

Ele foi visto vagando pelos corredores do labirinto, atacando Cedrico Diggory, o campeão de Hogwarts, e parecia estar sob o efeito de alguma magia estranha. Isso levantou a suspeita de que alguém havia enfeitiçado Krum.

Quem enfeitiçou Krum?

No final do livro, é revelado que Barty Crouch Jr., disfarçado como o professor Alastor Moody, foi o responsável por enfeitiçar Krum. Crouch Jr. fazia parte de um plano para garantir que Harry Potter fosse escolhido como o vencedor do Torneio Tribruxo e levado a um encontro com Lord Voldemort.

Crouch Jr. usou uma maldição imperdoável em Krum, fazendo com que ele atacasse Cedrico e agisse de forma estranha, para distrair os outros campeões e garantir que Harry fosse o único a chegar ao local onde Voldemort estava.

Ele usou Krum como parte de um plano para garantir que Harry Potter fosse escolhido como o vencedor do Torneio Tribruxo e levado a um encontro com Lord Voldemort. Essa revelação é uma das reviravoltas importantes do livro “Harry Potter e o Cálice de Fogo”.

Harry Potter e o Cálice de Fogo resumo

Quem colocou o nome do Harry no Cálice?

No livro “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, Harry é surpreendido ao ser selecionado para participar do Torneio Tribruxo, uma competição entre as três escolas de magia mais importantes da Europa. O problema é que Harry não se inscreveu para o torneio e ninguém sabe como seu nome foi parar no Cálice de Fogo.

A teoria do próprio Harry

No início, Harry acredita que foi seu inimigo, Draco Malfoy, quem colocou seu nome no Cálice. No entanto, essa teoria é rapidamente descartada, já que é impossível para um aluno de outra escola de magia ter acesso ao Cálice.

A teoria de Rony

O amigo de Harry, Rony Weasley, sugere que alguém pode ter usado uma mecha de cabelo de Harry para colocar seu nome no Cálice. Isso seria possível, já que Harry deixou uma mecha de cabelo na barbearia do vilarejo onde morava. No entanto, essa teoria também é descartada, já que seria necessário muito conhecimento em magia avançada para realizar esse feitiço.

A verdadeira resposta

No final do livro, é revelado que Bartô Crouch Jr., um ex-seguidor de Voldemort, foi quem colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo. Ele fez isso usando poção Polissuco para se transformar em Alastor Moody, o novo professor de Defesa Contra as Artes das Trevas na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Com essa identidade falsa, Crouch Jr. conseguiu colocar o nome de Harry no Cálice e garantir que ele fosse selecionado para o torneio, tudo isso como parte de um plano para ajudar Voldemort a retornar ao poder.

Harry Potter e o Cálice de Fogo dublado – 2007 – 1080p

Quem Colocou o Nome do Harry no Cálice de Fogo?

No filme “Harry Potter e o Cálice de Fogo” dublado em 2007, Harry Potter é selecionado para participar do Torneio Tribruxo, uma competição entre escolas de magia que acontece a cada cinco anos. No entanto, há um problema: o Cálice de Fogo só permite a inscrição de um representante de cada escola.

Surpreendentemente, o nome de Harry é escolhido pelo Cálice, mesmo ele não tendo se inscrito. Isso gera muita controvérsia e especulações sobre quem poderia ter colocado o nome de Harry no Cálice de Fogo.

Algumas das teorias mais populares incluem:

1. Harry se inscreveu secretamente

Alguns fãs acreditam que Harry, com a ajuda de seus amigos, conseguiu burlar as regras e se inscreveu secretamente no torneio, usando um nome falso. No entanto, isso parece improvável, já que Harry não teria motivo para fazer isso e correria o risco de ser desqualificado se descoberto.

2. Alguém da escola colocou o nome de Harry

Outra teoria é que alguém da escola colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo, possivelmente com a intenção de prejudicá-lo ou de ganhar algum tipo de vantagem. Muitos suspeitam de alunos da Sonserina, como Draco Malfoy, que sempre foi um rival de Harry.

3. Foi uma armadilha de Voldemort

Alguns fãs acreditam que Voldemort colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo como parte de um plano para trazê-lo de volta à vida. Isso faria sentido, já que o torneio envolve provas perigosas e poderia ser uma oportunidade para Voldemort colocar as mãos em Harry.

Embora nunca tenha sido confirmado oficialmente, muitos fãs acreditam que a segunda teoria é a mais provável: alguém da escola colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo. No entanto, a verdadeira identidade da pessoa que fez isso permanece um mistério.

No fim, o importante é que Harry enfrenta grandes desafios durante o torneio e mostra sua coragem e habilidade como bruxo.

Harry Potter e o Cálice de Fogo data de lançamento

Quem Colocou o Nome do Harry no Cálice de Fogo?

O quarto livro da saga Harry Potter, intitulado “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, foi lançado no Reino Unido em 8 de julho de 2000 e nos Estados Unidos em 8 de julho de 2000. É o livro mais longo da série, com 636 páginas.

Neste livro, Harry é selecionado como um dos competidores do Torneio Tribruxo, uma competição entre as três principais escolas de magia da Europa. No entanto, há um problema: Harry não se inscreveu para participar do torneio. Alguém colocou seu nome no Cálice de Fogo sem seu conhecimento ou consentimento.

O mistério do nome de Harry no Cálice de Fogo

Harry passa grande parte do livro tentando descobrir quem o colocou no torneio e por quê. Enquanto isso, ele tem que enfrentar tarefas perigosas e difíceis contra os outros competidores selecionados: Viktor Krum da Durmstrang, Fleur Delacour de Beauxbatons e Cedric Diggory de Hogwarts.

No final do livro, Harry descobre que foi seu inimigo, Bartô Crouch Jr. disfarçado de Alastor Moody, que o colocou no torneio como parte de um plano para trazê-lo até Voldemort.

“Harry Potter e o Cálice de Fogo” é um livro emocionante e cheio de reviravoltas, e a questão do nome de Harry no Cálice de Fogo é um dos mistérios mais intrigantes da história. O livro foi um enorme sucesso e ajudou a consolidar ainda mais a popularidade da série Harry Potter em todo o mundo.

Porque o Cálice de Fogo escolheu Harry

Introdução

O Cálice de Fogo é um objeto mágico que foi criado para selecionar os campeões das três escolas de magia que participam do Torneio Tribruxo. No entanto, no quarto livro da série Harry Potter, “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, o nome de Harry Potter é misteriosamente escolhido pelo Cálice, mesmo não estando inscrito pela sua escola de origem, Hogwarts.

Explicação

O Cálice de Fogo é descrito como um objeto mágico altamente avançado e complexo que utiliza uma magia antiga e poderosa para escolher os campeões. É explicado no livro que o Cálice é capaz de detectar a presença de um bruxo ou bruxa em idade escolar e identificar sua escola de origem.

No entanto, o Cálice também é capaz de ser “enganado” por alguém que deseja colocar o nome de outro bruxo ou bruxa no cálice. Este foi o caso de Bartô Crouch Jr., que se disfarçou como Alastor Moody e utilizou um feitiço poderoso para colocar o nome de Harry no Cálice.

Por que Harry foi escolhido?

Existem várias teorias sobre por que o Cálice escolheu Harry, mesmo sem ele ter sido inscrito corretamente. A mais plausível é que Harry foi escolhido por causa de sua conexão com Voldemort e sua importância no futuro da luta contra o Lorde das Trevas.

É revelado no final do livro que o plano de Voldemort era usar o Torneio Tribruxo como uma armadilha para Harry, para que ele pudesse matá-lo e recuperar seu corpo físico. Ao colocar o nome de Harry no Cálice, Bartô Crouch Jr. estava ajudando Voldemort a realizar esse plano.

Elenco de Harry Potter e o Cálice de Fogo

Quem Colocou o Nome do Harry no Calice

No filme “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, uma das maiores dúvidas é sobre quem colocou o nome do Harry no Cálice de Fogo, fazendo com que ele fosse obrigado a competir no Torneio Tribruxo.

Na trama, o próprio Harry é acusado de ter se inscrito no torneio, mas ele jura que não fez isso. Então, quem colocou o seu nome no Cálice? A resposta é revelada no final do filme: foi Bartô Crouch Jr., disfarçado de Alastor Moody.

Elenco

O elenco de “Harry Potter e o Cálice de Fogo” conta com:

  • Daniel Radcliffe como Harry Potter
  • Rupert Grint como Ron Weasley
  • Emma Watson como Hermione Granger
  • Robbie Coltrane como Rubeus Hagrid
  • Ralph Fiennes como Lord Voldemort
  • Michael Gambon como Albus Dumbledore
  • Brendan Gleeson como Alastor Moody / Bartô Crouch Jr.
  • Alan Rickman como Severus Snape
  • Tom Felton como Draco Malfoy
  • Stanislav Ianevski como Viktor Krum
  • Clémence Poésy como Fleur Delacour
  • Robert Pattinson como Cedrico Diggory

Com um elenco de peso, o filme foi um grande sucesso de bilheteria e é considerado um dos melhores da saga Harry Potter.

Cálice de Fogo Harry Potter

Quem colocou o nome do Harry no Cálice?

No livro “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, há um momento em que o nome de Harry Potter é misteriosamente colocado no Cálice de Fogo, fazendo com que ele seja selecionado para participar do Torneio Tribruxo.

Porém, quem colocou o nome de Harry no Cálice?

No livro

No livro, é revelado que Barty Crouch Jr., sob a ordem de Lord Voldemort, foi o responsável por colocar o nome de Harry no Cálice. Ele usou um feitiço de Confundus para manipular as escolhas do Cálice e garantir que Harry fosse selecionado para o torneio.

No filme

No filme, a explicação não é tão clara. É sugerido que Neville Longbottom pode ter acidentalmente deixado cair o nome de Harry no Cálice, mas isso nunca é confirmado.

De qualquer forma, no livro, é Barty Crouch Jr. quem coloca o nome de Harry no Cálice de Fogo, enquanto no filme, a explicação é mais vaga e incerta.

Harry Potter e o Cálice de Fogo drive

Quem Colocou o Nome do Harry no Cálice?

No quarto livro da saga Harry Potter, intitulado “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, o protagonista é inscrito no Torneio Tribruxo, uma competição entre três escolas de magia. O problema é que, para se inscrever, era necessário ter mais de 17 anos, e Harry tinha apenas 14.

Logo, a grande questão que permeou a trama foi: quem colocou o nome do Harry no Cálice de Fogo?

As Possíveis Suspeitas

Existiam diversas possibilidades de quem poderia ter feito isso, incluindo:

  • Harry ter se inscrito sozinho, o que era improvável;
  • Rony e Hermione, seus amigos mais próximos, terem feito isso para ajudá-lo;
  • Alguém da escola ter feito isso para prejudicar Harry;
  • O próprio diretor de Hogwarts, Alvo Dumbledore, ter feito isso para testar as habilidades do jovem bruxo.

A Revelação do Verdadeiro Culpado

No final, descobriu-se que a pessoa responsável por inscrever o nome de Harry no Cálice de Fogo foi Bartô Crouch Jr., um Comensal da Morte que se infiltrou em Hogwarts disfarçado de professor de Defesa Contra as Artes das Trevas. Ele fez isso como parte de um plano para garantir que Harry vencesse o Torneio Tribruxo e chegasse até o Cálice de Fogo, onde ele havia colocado um feitiço para ressuscitar Lord Voldemort.

Essa reviravolta na trama foi um dos momentos mais chocantes e emocionantes da série Harry Potter, e mostrou a importância da vigilância constante contra as forças do mal.

Resumo do livro Harry Potter e o Cálice de Fogo brainly

Quem Colocou o Nome do Harry no Cálice?

A Trama da História

No quarto livro da série Harry Potter, intitulado “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, o jovem bruxo é surpreendido ao ter seu nome selecionado pelo Cálice de Fogo, um objeto mágico que escolhe os campeões das três escolas de magia que participariam do Torneio Tribruxo.

No entanto, Harry não havia se inscrito para o torneio e todos ficam intrigados sobre como seu nome foi parar no Cálice.

A Revelação

Durante o desenrolar da trama, descobre-se que o responsável por colocar o nome de Harry no Cálice foi Bartô Crouch Jr., um dos seguidores de Voldemort, que havia se disfarçado como o professor de Defesa Contra as Artes das Trevas, Alastor Moody.

Bartô Crouch Jr. planejava usar o torneio como uma forma de colocar Harry em perigo e assim facilitar o retorno do Lorde das Trevas. No entanto, seu plano é frustrado graças aos esforços de Harry e seus amigos Ron e Hermione.

Portanto, o responsável por colocar o nome de Harry no Cálice de Fogo foi Bartô Crouch Jr., que agiu sob as ordens de Voldemort. A revelação dessa trama é um dos momentos mais emocionantes do livro e mostra como a história de Harry Potter é repleta de mistérios e reviravoltas.

Conclusão

Apesar de muitas teorias circularem sobre quem colocou o nome de Harry no Cálice de Fogo, o mistério nunca foi completamente resolvido. No entanto, a trama continua a ser um dos momentos mais emocionantes da série Harry Potter.

Infelizmente, não é possível responder essa pergunta em duas linhas finais de parágrafos HTML, pois requer uma explicação mais detalhada. Para saber mais sobre o assunto, sugerimos pesquisar em fontes confiáveis ou ler os livros/filmes da série Harry Potter.

O que você achou da nossa review?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?